sexta-feira, 18 de outubro de 2013

O SIMBOLISMO DA DOENÇA no dia do médico.





Para a ciência:
Simboliza apenas sofrimento.
Para a Espiritualidade:
Cada tipo e sua respectiva localização é recado claro dos desajustes em andamento, como: auto-sabotagem, carência afetiva, preocupação, ansiedade, medos, temores, tristeza, depressão, frustração, culpa, fuga etc.
Alguns simbolismos costumam repetir-se em muitas pessoas.
Porém, por sermos únicos, cada doença é um recado especial e particular; dessa forma cada um de nós tem o dever de observar-se para progredir e curar-se, ativa e definitivamente.
A doença é transformadora.
Ao mesmo tempo em que mostra; ajuda a corrigir defeitos de caráter.
Determinada doença aponta a intolerância deste; outra o orgulho daquele; outras mais, mostram a impaciência; a irritabilidade; a inveja; a ira; a suscetibilidade e a mágoa de vários outros, etc.
Ainda necessitamos desse tipo de ajuda para nos mantermos vivos; pois a tendência ao suicídio inconsciente é forte, e a moléstia atua como um freio para nos alertar e estimular á reflexão.
É como se a Natureza estivesse amorosamente dizendo: não coma desse jeito! Olha a gula! Não beba! Não fume! Cuidado com o estresse, a ganância, a inveja, o medo etc.
 Muitas outras são as finalidades:
Recicla objetivos da vida.
Atualiza o cronograma existencial.
Propicia oportunidades de observar a vida pelo ângulo das conquistas internas.
Desenvolve maturidade para que a saúde não seja valorizada somente através da doença.
Como o desemprego serve para se dar valor ao emprego.
E a solidão à solidariedade, pois o homem solidário jamais se encontra solitário etc.
        
         Complicada a descoberta de que apenas continuamos vivos graças ás nossas doenças...
Fonte: Saúde ou doença a escolha é sua